Boa tarde, Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017
EDUCAÇÃO
Prefeitura entrega extensão de EMEI e zera fila de espera na região do grande Daury Riva
Com unidade, crianças de 4 e 5 anos passam a ser integralmente atendidas
18/05/2017 - 15h45 - Fonte: Assessoria da Prefeitura

 

A prefeita de Sinop, Rosana Martinelli (PR), acompanhada da secretária municipal de Educação, Esporte e Cultura, Veridiana Paganotti, e os vereadores professora Branca (PR) e Joacir Testa (PDT), participaram, na manhã desta quinta-feira (18), de uma visita à extensão da Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Tempo de Infância, na comunidade Betel, bairro Maria Vindilina. Este é o mais novo espaço de ensino que passa a funcionar em Sinop.

 

A extensão da EMEI Tempo de Infância atenderá crianças com idades de 04 e 05 anos, de bairros como Daury Riva, Recanto dos Pássaros, Maria Vindilina e São Paulo. A unidade entra em funcionamento com o objetivo de assegurar um espaço à educação deste público, zerando a fila por vagas nesta faixa etária, no grande Daury Riva.

?A unidade na comunidade Betel funciona em um prédio próprio do município e que, anteriormente, estava cedido ao estado. Nele funcionava a extensão da escola estadual Paulo Freire. O espaço conta com três salas de aula, uma sala para os professores, outra para a coordenação. São, ao todo, 6 professores, além de profissionais das áreas de limpeza, refeição e coordenação pedagógica.

 

"Estamos com capacidade para acomodar 200 crianças e estamos zerando a fila de espera de 4 e 5 anos nesta região. É uma preocupação forte da administração de colocar as crianças nas creches porque as mulheres têm que ajudar no sustento das casas e precisam ir tranquilas para o mercado de trabalho", destaca a prefeita Rosana Martinelli.

 

Conforme a diretora da unidade, Soeli Batista da Silva, atualmente, 150 crianças são atendidas na extensão. As crianças permanecem na escola meio período, com turmas do pré 1, 2 e 3 divididas nos turnos de 7h às 11h e 13h às 17h. "Trabalhamos baseados na interação e na brincadeira tanto dentro quanto fora da sala de aula. Temos um amplo espaço na extensão e já adquirimos brinquedos, como também refeitório, onde as crianças terão self service para se servirem sozinhos", explica Soeli.

 

A secretária Veridiana Paganotti explica que esta é a primeira de um conjunto de três Escolas Municipais de Educação Infantil que entram em funcionamento ainda neste semestre. Outras duas, que atenderão em prédios alugados no Jardim Botânico (crianças de 0 a 5 anos) e no São Cristóvão (4 e 5 anos), passam a operar ainda neste semestre. Juntas, ofertarão 800 novas vagas. 

 

"Estamos em processo de matrícula e até o dia 29 [de maio] temos duas unidades abrindo. Uma no São Cristóvão, chamada de Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Tatiana Belinky, zerando a fila de espera e, a outra, no Jardim Botânico, chamada de  EMEI Sylvia Orthof", destaca a secretária. Ambas as unidades foram criadas por meio de decreto do Poder Executivo. A EMEI do bairro São Cristóvão está localizada na Estrada Jacinta, sem número, enquanto a do bairro Botânico na rua das Cerejeiras, nº 595.

Comente através do facebook:
ENQUETE »

FOTO NOTÍCIA
:: MT24Horas - Todos os direitos Reservados - Copyright 2017 ::